Crato é sede de oficina de interações estéticas e realiza experimento em videodança

photo_2Durante os dias 14 e 15 de maio foi realizado uma oficina de interações estéticas em audiovisual no bairro do Gesso, situado na sede do município de Crato, a 567 km de distancia de Fortaleza-CE. As aulas atenderam os alunos formados pelo Projeto Nova Vida, entidade não-governamental e sem fins lucrativos que insere jovens moradores em comunidades de baixo IDH em ações formativas em dança, teatro e artesanato, além de oferecer acompanhamento social e profissional diversificado.

O curso foi ministrado pelo professor e realizador Júlio Figueroa (mestre em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal da Bahia), que orientou a turma de jovens bailarinos da instituição para experiências aplicadas em videodança. Com isso foram exibidos uma variedade de filmes de referencias, entre eles obras de Maya Deren e Pina Bausch. Com base nesse referencial estético, foi solicitado aos alunos um experimento audiovisual que pudesse dialogar com o espaço da comunidade, tendo como fio condutor o diálogo sobre a problematização do meio ambiente. O exercício intitulado “Em movimento” partiu de intervenções de dança improvisadas nas proximidades do trilho férreo de Crato, onde costuma-se notar o avanço da poluição ambiental.

A realização dessa oficina proveio da parceria do Centro de Assessoria Popular Caldeirão (Fortaleza, CE) com o núcleo de audiovisual e novas mídias da secretaria de cultura do Crato. A mesma faz parte do projeto Esporo de Cultura Digital Casa de Bits, premiado pelo edital Cultura Digital 2010 do Ministério da Cultura.

Exercício dos alunos:

Matéria jornalística:

Adicionar a favoritos link permanente.

Comentários fechados.